domingo, setembro 28, 2003

Metas para esta semana

Alguém escreveu (ou disse) um dia que "Uma longa viagem, começa sempre por um pequeno passo". Inspirada nela (e também porque o que me falta parece uma viagem colossal), resolvi separar em pequenos "passos" as tarefas que tenho pela frente até à conclusão do projecto, juntando o factor compromisso público (em complemento à lista de tarefas que sistematicamente vou adicionando ao meu livrinho de campo - com tendência a acumular!).

Na tentativa de não impôr tarefas impossíveis, optei por marcar objectivos realistas. Caso as consiga concretizar, na próxima semana subo a fasquia. Ora, cá vão:

a) Transcrever mais 2 entrevistas
b) Deixar a bibliografia, referente ao capítulo da metodologia, pronta.

sábado, setembro 27, 2003

Referências Electrónicas - APA Style

Na página da APA, secção Electronic References, estão disponíveis informações sobre como citar/identificar materiais electrónicos.

quinta-feira, setembro 25, 2003

Personal publication as an online research tool

A propósito deste novo espaço de reflexão e do potencial da cooperação através de Blogs (ou Blogues?) ao nível da investigação e da educação ver:

Blogging thoughts: personal publication as an online research tool de Torill Mortensen & Jill Walker - "Several projects explore the use of weblogs in education, such as (obviously) Weblogs in Education, Edublog and Weblogg-Ed. These sites focus on the practical uses of online logs in teaching: the pedagogical effect of letting students publish and the potential gains in cooperation. At the time of writing (March 2002) they are mainly collections of links and examples of experiments conducted with weblogs, and are obviously works in progress." ,(p. 4)

Novo espaço de reflexão e discussão

O Blog "Pensar e Discutir - Information and Knowledge Management Issues" vem preencher um espaço que se encontrava vazio em Portugal. Fico à espera da comunidade que vai atrair e dos tópicos centrados na Gestão da Informação e do Conhecimento.

Na fase final em que me encontro (análise de dados e relatório), será muito benéfico poder trocar impressões com indivíduos que se interessam pela temática.

quinta-feira, setembro 18, 2003

Há medida que o estudo avança...

... sinto necessidade de voltar aos conceitos que estão por trás do desenho do estudo de caso, até que estes estejam interiorizados. É no confronto constante entre as questões com que me deparo e a literatura que consigo identificar quais os conceitos que ainda não são claros. Mas também nas conversas com investigadores experientes que me ajudam a detectar áreas em que não tinha pensado e que me fornecem pistas para que possa colocar outras questões.

De novo, a leitura do "Case Study Research: design and methods", de Robert Yin (1994). O meu olhar neste momento prende-se nos critérios de qualidade no desenho da investigação: a validade da construção (estabelecer medidas operacionais correctas para o objecto de estudo), a validade interna (apenas para estudos causais ou explicativos, estabelecendo relações de causa onde certas condições originam outras), a validade externa (estabelecer o domí­nio para o qual os resultados do estudo podem ser generalizados) e a fiabilidade (demonstrar que as operações do estudo, tal como o processo de recolha de dados, podem ser repetidas com os mesmos resultados) - pp. 32-38

Recuperação do Blog

De regresso a Portugal, já comecei a rectificar as mensagens cujos caracteres não apareciam legíveis. Continuo sem saber o porquê de tal...

terça-feira, setembro 16, 2003

teste... mais uma tentativa.

N�o consigo publicar...

J� estou aqui h� algum tempo e n�o consigo perceber porque � que os posts desaparecem quando escolho a op��o "publish"?....

Recolha de dados no País A - Concluída a 16 de Setembro

Fecho do último país com um total de 8 questionários preenchidos e 7 entrevistas. Todas realizadas localmente, nas instalações onde os indivíduos desenvolvem a sua actividade profissional.

Embora na mesma cidade, as distâncias existentes entre as 3 localizações da organização local, não facilitam a interactividade entre a comunidade portuguesa existente. Estão previstas novas instalações que irão albergar a totalidade dos funcionários (portugueses e locais). O número total de portugueses expatriados ao serviço da organização, neste país, em termos percentuais, é inferior a 0,1%. A comunidade de portugueses locais, segundo os entrevistados, aumentou em relação a 1999: entre 200 a 300 portugueses neste momento a viver neste país.

Os contactos com a embaixada de Portugal estão resumidos a inscrição consular e a convite para as comemorações do 10 de Junho. Quanto aos contactos com o ICEP? Não existem.

sábado, setembro 13, 2003

Problems

So it seems that I will not be allowed to post to my blog with Portuguese characters. My latest posts mess up all the previously content of the blog.

As I�m restricted by access costs I�ll be doing all the correction upon my return to Portugal. Until then I�ll have to use the international language.

Acesso à Internet

No hotel em que estou, existe possibilidade de ligação à rede nacional local através do cabo de telefone existente no quarto. O acesso é livre e existem instruções abundantes nas revistas turísticas (indicação do nome do provider, número de acesso, id e password) no entanto, o preço por impulso local (0,25 Euros) obriga a consultas moderadas, embora com a comodidade oferecida pelo quarto.

Novas entrevistas marcadas

Na segunda-feira estão agendadas mais 3 entrevistas (2 já tinham preenchido o questionário e 1 é novo). Os contactos foram feitos através de um indivíduo pertencente à organização e que se disponibilizou, logo a seguir à entrevista, para me apresentar.

Recolha de dados no país A - a decorrer

Até agora já consegui o preenchimento de 3 questionários e realizei 4 entrevistas. A dispersão das pessoas pela cidade não ajuda o registo das observações: 3 localizações diferentes (afastadas mais de 15 minutes de carro), não existem espaços comuns frequentados pelos indivíduos (conforme tinha sido observado no país C), não se houve falar a língua portuguesa (a não ser pelos telefonemas feitos entre portugueses), a língua local é falada pelos locais com os locais e o Inglês é utilizado como ponte de contacto entre portugueses e locais. Existem espaços em openspace mas todos os portugueses contactados até agora têm um gabinete próprio (contrário também ao que se observou no país C, onde apenas o director Geral tinha um gabinete próprio).

O custo de vida é inferior ao registado nos países A e B. Em termos de alojamento, estão dispersos pela cidade.

NOTAS: Chegou um indivíduo novo, há menos de 3 semanas, e as suas preocupações, em termos de necessidades de informação, são claramente distintas dos que já cá estão há mais tempo. Dois dos indivíduos entrevistados estão à espera de regressar a qualquer momento, um deles manifesta claramente falta de informação sobre a organização mãe, não sabendo até à data para onde irá desempenhar as suas funções.

quarta-feira, setembro 10, 2003

Recolha de dados no País C - concluída a 9 de Setembro de 2003

A oportunidade de recolher os dados in loco permitiu a) por um lado, o acesso directo e presencial aos indivíduos que em face da minha presença não se escusaram a disponibilizar o seu tempo, b) por outro, a riqueza da recolha através da observação directa das práticas dos indivíduos no seu contexto de trabalho. Devido ao contacto directo com os indivíduos deste país fiquei a saber que uma das pessoas que andava a tentar contactar noutro país (B) já tinha regressado à base (Portugal) o que permitiu fechar a recolha, desse outro país, com a totalidade dos indivíduos aí expatriados a trabalhar para a organização.

Saldo do País C (número total de expatriados da organização objecto de estudo, neste país: 10, embora inicialmente fossem 8) – 9 questionários completos e 7 entrevistas (+ registos de observação no local de trabalho e contacto com o contexto cultural local que vai permitir a elaboração de uma grelha que percorra as observações realizadas nos três países).

PS – Embarco amanhã para o País A (número total de expatriados da organização objecto de estudo, neste país: 12) onde tenho o contacto de um expatriado da organização. Com a deslocação a este país vou encerrar a fase de recolha.